You are currently browsing the monthly archive for setembro 2015.

Você que é feita

Dos quadris que se movem

Do desenho simétrico
Dois lados que se completam

Enchendo mãos
E olhos

Você que é feita

Do calor entre as pernas
Do vermelho dos lábios

Você que é dona

Dos seios perfeitos
E do meu peito

Você que se move
Como quem dança

E anda como quem nunca se perde

Você mulher
Feita da boca

E do beijo

Que ela insinua
Em cada palavra

Você que é meu idioma

Você que é feita
Do comprimento dos cabelos

E do seu movimento

E eles são um mar
Tão bom de se afogar

Você que é feita
De pele

E tua pele
Feita de luz

E tua luz
Feita de vida

E tua vida feita de amor
Que você me entrega

Com todo corpo
Com todo espírito
Com todo riso

Você feita de tudo isso
Onde me encontro

Vivo

Anúncios