É só olhar para o alto
Que o infinito
Bate em nosso rosto

Como viver
Sabendo nosso tamanho

Somos tão pouco
E o todo

Espanto

Nos resta o que inventamos

Everton Behenck

Anúncios