Mude a cor
Dos teus cabelos

Troque as roupas
Vá para outra sala

Não importa

Case-se novamente
Encontre um novo amante

Coloque o filho
A frente

Como métrica da distância

Invente todas as irrelevâncias
Na textura
Mais dura

Dê um aceno
Dizendo adeus

Impeça o passo
Com o braço a frente

Conte delicadezas
Que te conduzam para longe

Vá para onde deve ir
Tua consciência

Que a palavra é delicada
No que se atreve

E nunca aprendeu
Como se diz adeus

Everton Behenck