Não quero
Escrever uma linda máscara

Imagens que me tornem
Enorme

Em minha ausência

Existir é urgente
E é preciso gritar a vida

Até perder a voz dos dedos

Não quero escrever
Um tratado de perícia

Linha a linha

Com a calma de uma criança
Que monta uma casa

Só para derrubá-la

Queria dizer
Até o que não tenho

Everton Behenck