Ando fugindo da metáfora
Da imagem poética

Da palavra inventada

Ando de saco cheio
E pronto

E anda difícil
Levar o peso

Preso ao passo

São essas pessoas
Que não entendem nada

Que fazem tudo ao contrário
E pelos motivos errados

São esses homens

Que valem tão menos
Que suas roupas

Que brilham tão menos
Que seus carros

São esses dias roubados
Da minha vida

E mais ainda

É saber que viro
O rosto

Para que eles saiam
Sem sobressaltos

Everton Behenck

Anúncios