Tenho esse amor
Inegociável por ti

Esse que a razão
Rejeita

E bate nas mãos
Para evitar o toque

Para educar a infância
Do que te ofereço

Sem saber o preço

Tenho esse carinho
Pelo que guarda entre os cílios

Esses pedidos
Perdidos

Na esperança
Linda

Da tua retina

Tenho esse zelo
Desmedido

Sempre no apelo
De mais um beijo

Antes de ir embora

Tenho a porta
Trancada à chave

Para que você não volte

Mas ao amanhecer
É sempre você

Na minha cama

Tenho esse amor
Sempre nascendo

No desespero
De perdê-lo

Everton Behenck

Anúncios