O sol ardia
E mesmo assim
Não amanhecia

Todos ouvindo
Ainda

O que a noite repetia

Buscando
Mais um minuto
Que evitasse o dia

Em sua agonia

Puxados
Pela mão da loucura

After hours

Ressuscitar a lua

Beijar a boca
De fumo

Uma constelação
Em cada narina

Um rastro lisérgico
Sob a língua

A tarde anfetamina
O dia

Quem gostaria
De mais uma linha?

Quem dormiria?

E eu
Tão disposto a sonhar

Everton Behenck

Anúncios