Toma esse pedaço
Recém arrancado

Engole
Enquanto está quente

Esse presente aos teus dentes

Esse sorriso vermelho
De joelhos

Aos teus pés

Engole esse pedaço
Mastiga com força

Para que cesse de doer

Sente o gosto
Disposto a te adoçar

Agridoce
Água e sal

Passa tua língua
Firme
No que escorre

Para que nade escape

Toma esse pedaço
Recém arrancado

Da carne mais rara
Da minha palavra

Everton Behenck