Ando feito um velho.
As costas curvas
Os gestos fracos

Apoiado nos dias
Que passaram

Arrastando os anos
Tão poucos
Tão pesados

Ando agarrado à lembrança de um beijo
À mão que é memória na pele

À uma voz de mulher

Ando feito um velho
Com a vida toda pela frente

Everton Behenck